Início Sem categoria Klabin firma parceria com CNPq para pesquisas de sustentabilidade em Otacílio Costa

Klabin firma parceria com CNPq para pesquisas de sustentabilidade em Otacílio Costa

412
0
COMPARTILHAR

klabinOtacílio Costa – A Klabin, maior produtora e exportadora de papéis do Brasil, buscando práticas cada vez mais sustentáveis, firmou parceria com o principal órgão de pesquisas do país, o CNPq – Conselho Nacional de Pesquisas Científicas e Tecnológicas. O projeto, que já foi iniciado, tem como objetivo desenvolver novas técnicas de reaproveitamento dos resíduos sólidos consequentes das atividades industriais da unidade da companhia em Otacílio Costa (SC), responsável pela produção de papéis tipo kraftliner, usado na fabricação de embalagens de papelão ondulado.

Pioneira no setor, a ação consiste na concessão de bolsas de estudo destinadas a profissionais que atuam em pesquisas aplicadas ou de desenvolvimento tecnológico. Com duração de 36 meses, os programas serão orientados por três linhas de pesquisa, que são estudadas ao mesmo tempo: a primeira consiste na utilização destes resíduos para a fabricação de um gel polímero, a segunda buscará incorporar estes resíduos aos clinquers – pelotas inorgânicas que são transformadas em cimento -, e a terceira pretende misturar este material a um tipo de argamassa. Todas terão o mesmo foco: não recorrer ao descarte de resíduos sólidos em aterros.

Para atingir este objetivo, os pesquisadores terão de estudar diferentes formas para aproveitar todo o resíduo cedido pela Klabin na produção de cimentos alternativos. O material poderá ser utilizado na pavimentação de calçadas, fabricação de lajotas, entre outros fins, reutilizando completamente os componentes que seriam descartados. As pesquisas serão realizadas no campus da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

O trabalho está sendo realizado por meio do Programa de Formação de Recursos Humanos em Áreas Estratégicas (RHAE), criado em 1987, em uma parceria do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e do CNPq. O Programa utiliza um conjunto de modalidades de bolsas de fomento tecnológico, criado especialmente para agregar profissionais qualificados em atividades de pesquisa e desenvolvimento (P&D) nas empresas, além de formar e capacitar para que atuem em projetos de pesquisa aplicada ou de desenvolvimento tecnológico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here