Início Eco SC Cursos de recuperação de áreas degradadas

Cursos de recuperação de áreas degradadas

236
0
COMPARTILHAR

Degradada4_g3_g

Para conhecimento, participação e, se possível, divulgação, informamos a realização dos Cursos sobre Recuperação de Áreas Degradas conforme a seguir:

 

CIDADE

DATA

JOAÇABA – SC – 19/ABRIL/16

CONCÓRDIA – SC – 20/ABRIL/16

SÃO MIGUEL DO OESTE – SC – 22/ABRIL/16

CHAPECÓ ou XANXERÊ – SC – 23/ABRIL/16

VIDEIRA – SC – 13/MAIO/16

 

Os cursos são promovidos pela SOBRADE e ministrados pelo Prof. Maurício Balensiefer (professor da UFPR, engenheiro florestal, conselheiro do CREA-PR e presidente desta ONG). Terão a carga de 8 horas e objetivam capacitar os interessados sobre as bases para elaboração, execução e monitoramento de projetos.

O programa contempla a evolução do tema no Brasil; terminologia aplicada; legislação; atribuições dos profissionais; bases para elaboração e execução de projetos; técnicas de engenharia natural; monitoramento de áreas em recuperação e, destacando-se como importante, os subsídios para a regularização ambiental de propriedades rurais (PRA’s) a ser exigido após a elaboração do CAR.

 

Programa:

  • A evolução do tema no Brasil e no mundo;
  • Terminologia aplicada;
  • Legislação que rege o tema;
  • Atribuições Profissionais;
  • Elaboração e execução de projetos:
  1. Técnicas, práticas e procedimentos;
  2. Silvicultura: semeadura e plantio;
  3. Sistemas agroflorestais;
  4. Nucleação;
  5. Abandono de áreas;
  • Técnicas de engenharia natural/biológicas, preventivas e corretivas pontuais;
  • Recuperação de áreas degradadas na mineração;
  • Monitoramento de áreas em recuperação:
  1. Aspectos conceituais e metodológicos;
  2. Principais indicadores;
  3. Critérios e parâmetros qualitativos.

 

Interessados poderão obter a ficha de inscrição e demais informações no site da SOBRADE (www.sobrade.com.br) ou entrar em contato através de e-mail sobrade@sobrade.com.br .

 

Vagas Limitadas.

Comissão Organizadora

SOBRADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here