Início Natureza Parque Natural em Lages será aberto ao turismo ecológico

Parque Natural em Lages será aberto ao turismo ecológico

67
0
COMPARTILHAR

Lages – SC  -Uma das primeiras providências será resolver a questão da segurança na sede, colocando grades nas janelas e outros acessos, além de monitoramento, evitando assim novas ações de vandalismo

Um dos pontos com maior concentração da Mata Atlântica no município, bastante procurado também por suas belezas naturais, banhadas por cachoeiras, vegetação nativa e animais silvestres, o Parque Natural Municipal está passando por uma revitalização completa. O objetivo é melhor acomodar turistas e visitantes regionais, garantindo também a segurança no local.

O Parque Natural Municipal João José Theodoro da Costa Neto está localizado no bairro São Paulo, às margens da BR-116. Uma nova sede foi construída, mas ainda não teve condições de ser inaugurada, pois foi objeto de furtos de equipamentos e deterioração do prédio por ação do tempo.

Uma das primeiras providências, de acordo com o secretário de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Euclides Mecabô (Tcha-tcha), será resolver a questão da segurança no prédio, colocando grades nas janelas e outros acessos, além de monitoramento, evitando assim novas ações de vandalismo. “Acreditamos que dentro de 30 dias esta parte estará resolvida. Também faremos uma revitalização completa, deixando o local agradável e em plenas condições de receber os visitantes”, diz o secretário.

Uma equipe estará a postos nos três períodos; matutino, vespertino e noturno, atendendo a comunidade e monitorando o local. A restauração contará com a pintura do prédio, reforma interna e do telhado, inclusive com a impermeabilização para evitar goteiras, aquisição dos móveis e revitalização dos pontilhões e limpeza e colocação de lixeiras nas trilhas que dão acesso às cachoeiras.

A estrutura da sede conta com um hall de entrada, auditório e algumas salas para atividades diversas referentes ao meio ambiente, como palestras e oficinas. Logo à frente, um espaço aberto agraciado por um lago, onde alguns patinhos fazem sua morada, é um ambiente convidativo para um piquenique ou recreação com as crianças.

 

Visitas com guia turístico

O Parque Natural conta com sete trilhas, que são disponibilizadas aos visitantes, sendo que uma delas segue em direção a uma cachoeira, e no caminho ainda podem ser encontradas araucárias centenárias. Pessoas interessadas em realizar trilhas com um guia precisam agendar horário, através do telefone do Centro Ambiental Ida Schmidt (49) 3224-3142.

Algumas visitas já estão sendo agendadas previamente, inclusive durante os finais de semana, mas a intenção é fornecer um guia turístico fixo para que os passeios sejam mais bem organizados. “Este é um espaço maravilhoso, com muitas belezas naturais, que muitas vezes passam despercebidas pela comunidade. Nossa intenção é fomentar as visitas, de forma organizada e com segurança, para que a população possa usufruir deste local”, diz a diretora do Meio Ambiente, Silvia Oliveira.

Já os passeios livres estão disponíveis a qualquer horário, pois o parque não possui portão fechado. Muitos turistas e até grupos de ciclistas utilizam o local como ponto de encontro.

 

Mês do Meio Ambiente

Em junho, com a programação do Mês do Meio Ambiente, que envolve algumas atividades no próprio parque, a expectativa é de que as visitações da comunidade estudantil, turistas e pesquisadores se intensifiquem. Neste período que antecede, o local atraiu muitos fotógrafos, amadores e profissionais, que participam do concurso fotográfico sobre a Mata Atlântica, uma das atrações do Mês do Meio Ambiente. As inscrições já encerraram e a premiação será realizada durante a abertura oficial dos eventos, marcada para o dia 5 de junho.

Outra atividade que deverá atrair os olhares para o Parque Natural é a Pedalada Ecológica, que será a primeira atração do Mês do Meio Ambiente, abrindo os trabalhos no dia 27 de maio, um sábado. O percurso terá saída da Praça Joca Neves, às 14h30, passando pelas avenidas Belizário Ramos (Carahá) e Duque de Caxias, até a BR-282, chegando ao parque. As inscrições podem ser feitas na hora.

Fotos: Carlos Alberto Becker e arquivo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here